Uma Linda Mulher - 2ª TEMP. | CAP.16

|


Uma Linda Mulher - 2ª Temporada





Capítulo: 16


Arthur - Não ainda não, mais preciso ir, venho te buscar a 19:00, não tolero atrasos. – Lua sorriu – Já liguei para a Mel, vou deixar o Gabriel lá, assim ele aproveita e conversa com a minha tia, ela quer vê lo…
Lua – Foi ver Marieta hoje?
Arthur - Fui… – se entristeceu pegando sua pasta. – Preciso ir, ás 19:00 Lua e…
Lua – Sem atrasos… – ele assentiu, já voltando a falar no telefone saiu da porta. Lua se virou sorrindo, levando o prato até a pia, quando se virou, se deparou com Arthur caminhando até ela, lhe mergulhou as mãos no cabelo, lhe dando um beijo delicioso nos lábios, para depois tomar o rumo do caminho para fora normalmente. Ela sorriu fechando os olhos, se sentindo alimentada e com energia reforçada…
Gabriel – Mãe! – gritou para Lua da cozinha. 
Lua – Oi filho… – se aproximou o abraçando olhando o relógio, já eram 17:30. 
Gabriel – Vim com o tio da perua, é super divertido, viemos fazendo farra, eu o Luca e o Dedé.
Lua – Fazendo farra, sei… – o beijou novamente, deixando a mochila em um canto. – Como foi seu dia? – subia as escadas junto com o garoto. 
Gabriel – Maravilhoso, disse a todo mundo que vou ter uma irmãzinha, e acredita que eles me perguntaram se o papai tinha casado de novo? – Lua assentiu, sentindo se levemente abalada.
Lua – Perguntaram isso, porque a mamãe ficou um tempo longe, não deve se importar. – o beijou na testa, em quanto separava umas roupas para Gabriel, enquanto o mesmo se despia entrando no chuveiro. 
Gabriel - Eu sei, foi o que eu disse, e as pessoas ficaram todas surpresas mamãe, até me perguntaram, se eu tinha certeza, aí eu respondi… – deu um sorriso irônico como o de Arthur. – É claro que eu tenho certeza, é minha mãe, bobões. – Lua sorriu. 
Lua – Irá para a casa da vovó Marieta, filho.
Gabriel – Sério, Oba. A tia Mel e o bebezinho estarão lá? 
Lua – Sim senhor. Hey, nada de andar pelado pelo quarto, já pro banho garotinho. – Gabriel gargalhou, com a tentativa de Lua o pegar, correu para o chuveiro começando a tomar banho, em quanto Lua terminava de lhe arrumar as roupas, como se jamais houvesse parado de fazer isso. – Vou colocar o pijama azul filho.
Gabriel – Ok mãe…Cadê o papai? 
Lua – Papai está trabalhando, resolvendo um probleminha que deu na empresa…
Gabriel – Sei, mais vou ver ele, tipo quando eu for para a casa da vovó?
Lua – Tipo… - imitou o garoto – Ele vai passar por lá antes de vir para casa, vai vê lo. – entregou a toalha – Escute, a vovó está doentinha você sabe não sabe? – Gabriel assentiu se entristecendo. 
Gabriel – Ela não pode ir ao meu aniversário, o papai me explicou, e a tia Mel também… – Lua sorriu orgulhosa, ajudando o a se enxugar.
Lua – Que bom, então comporte se, e obedeça a tia Mel. – Gabriel assentiu, e se pôs a gargalhar quando ainda sem roupa, Lua iniciou no mesmo um super ataque de cocegas...
Mel, preferiu não entrar, apenas sorriu acenando para Lua dentro do carro junto com Gabriel que já se ocupava de bajular e acariciar o bebezinho, seguro na cadeirinha de trás.
Lua – Obrigada Mel… – ela assentiu, Lua jogou um beijo para Gabriel. – Pegou a escova de dente filho?
Gabriel – Peguei mãe… – acenou, antes que Mel colocasse o carro em movimento. 
Olhou o relógio quando entrou em casa, e se não se apresasse, iria ficar atrasada, tomou um banho, relaxante, lavando os cabelos. Seca e de roupão, secou os cabelos e em mais cinco minutos, enrolou bem de leve as postas, o deixando com um caimento melhor, se maquiou. Sorriu sozinha na frente do espelho, lembrando se de como suas mãos tremiam naquele dia, em quanto passava o delineador, que obteve o mesmo resultado de agora, seus olhos ressaltados, e perfeitamente maquiados, o alongador de cílios acompanhado com o rimél, o lápis preto forte, e uma sombra da mesma cor, levemente esfumaçada, nas bochechas um blush leve na cor rosada, e nós lábios um brilho labial perfeito. Jogou a franja para trás, deixando que ela caísse da maneira que queria de volta em seus olhos, olhando o relógio e satisfeita com o resultado de seu rosto, abriu a porta do guarda roupa.
Lua – É dona Lua, a diferença era que você não estava grávida de 7 meses… – sorriu , bufando sozinha. Encontrou seu vestido preto, o mesmo que havia usado no dia, o olhou no espelho e nem que sonhasse serviria, voltou a guardar, passou as mãos por todo seus vestidos magníficos de festa, dourado, vermelho, lilás, algumas de seda pura. Sorriu se lembrando do que usou em cada ocasião. Abrindo a outra porta, pegou um vestido preto, simples mais ao mesmo tempo maravilhoso, tomara que caia, uma faixa de seda brilhante preta passava por sua cintura, com um broxe brilhante no centro da mesma, a saia do vestido era toda plissada, no mesmo tecido da faixa, e conforme ela andava, o balançar se tornava elegante e sensual, sem tirar a eterna beleza de uma mulher grávida. 
-
Lua – As pessoas estão olhado para mim… – realmente notou, como olhares curiosos os olhavam, como algumas mulheres descaradamente apreciavam ao Arthur, ele sorriu. 
Arthur – Não, elas estão olhando para mim… – Lua ergueu a sobrancelha desafiadoramente, como que pedindo confirmação para o que ele dizia, mais essa confirmação não veio, logo encaminharam se para uma mesa, onde Lua avistou Micael e Sophia sentados, franziu a testa mirando Arthur que continuava caminhando como se não pudesse perceber a importância daquela cena, daquelas pessoas.
Arthur – Boa noite… – deu a mão para Micael que se levantou, com um sorriso no rosto ao constatar a surpresa nos olhos de Lua. 
Micael – Boa noite… – os olhos de Lua se encheram de água ao mirar a amiga que também sorria, Sophia se levantou, a cumprimentado. 
Sophia – Olá…
Lua – Olá… –sorriu com toda sinceridade de volta para Sophia que havia feito mesmo. 
Arthur - Essa é… – mordeu os lábios maliciosamente, e Lua largou a sorrir ainda mais. 
Lua – Lua Maria Blanco, prazer. – Micael também sorriu, em quanto Arthur se sentava observando aquele brilho no olhar. Era estranho, Lua disse a si mesma, em quanto ouvia Arthur e Micael, discutir alguns assuntos relacionado as empresas antes do jantar ser servido, Sophia interagia, e Lua por todo seu conhecimento, tentava se manter ligada no assunto, mais de qualquer maneira, isso não aconteceu de forma completa, estava afastada a 7 meses da Venturini.
Não que havia perdido a mão, sabia que não, mais de qualquer forma, não trabalhava mais no meio em que os três trabalhavam, respondia as opiniões que Sophia perguntava com frequência, gargalhava com a besteira da amiga, que arrancava vários sorrisos de Arthur. O primeiro prato foi servido, em quanto Arthur e Micael perdidos discutiam fervorosamente sobre ações, Sophia jantava trocando olhares cúmplices com Lua, que respondia a todos na altura, como se a velha conversa por olhares funcionassem perfeitamente…
Arthur – Ahh Micael, claro que não, veja, se você aplicar agora com o valor que o dólar se encontra, em três, quatro anos se ainda não gerar frutos, vai perder dinheiro.
Micael – Imagina, Arthur, pode estar em baixa agora, mais se pararmos para pensar, que seja vai em 3 quatro anos… – Lua sorriu, tomando o sorvete de limão que havia sido servido em uma taça. Conversou com Sophia sobre diversas coisas, sem notar que aquilo também era um desafio para a mulher a sua frente, no meio da conversa largou a sorrir, percebendo que talvez eles estivessem fazendo a mesma coisa, afinal, havia começado ali e o certo seria terminar ali, estariam também agora tão à frente juntas ali? 
Eram quase meia noite quando a conta chegou, na briga de sempre de quem paga conta, acabou sendo dividida. Com um abraço caloroso Lua se despediu de Sophia, alegando que fora um prazer conhece la, e a loira vice versa, se despediu com um aperto de mão e um sorriso de Micael, em quanto Arthur fazia o mesmo…





Então meninas, percebi que vocês ficaram bem confusas com esse capítulo, eu já esperava por isso. Irei explicar pra vocês não ficarem perdidas.
A Lua e o Arthur decidiram salvar o casamento deles, e o jeito que eles arrumaram para fazer isso é viver durante aquela 1 semana que eles viveram no começo da web, lembram? Então, eles vão começar a agir como se estivessem se conhecendo agora.
Nesse capítulo que eu postei agora o 16, o Micael e a Sophia vão ajudar eles.
Anna, respondendo a sua pergunta não foi imaginação do Arthur aconteceu sim.
Anônimo, Arthur vai em casa e pega a Lua e a leva pra esse parque, pra eles terem um descanso, um pouquinho de paz.
Estou querendo criar um grupo no whatsApp, para tirar dúvidas, se quiserem, me avisem.
Com mais 10 comentários, posto o próximo capítulo.

20 comentários:

  1. Isso e muito confuso. Mas e boa ideia. Mas vai levar MT tempo eles ficarem bem? Fico a espera de uma resposta. Beijos
    By: sofiaxc portugal

    ResponderExcluir
  2. Posta mais por favor

    ResponderExcluir
  3. Posta mais e eu quero participar do grupo ❤️❤️ Bruna qq

    ResponderExcluir
  4. Aah tava meia confusa mesmo kkk eeeeeee eu apoio grupinhooo no whaats mee avisa se for fazer ❤❤❤❤

    ResponderExcluir
  5. Ai, agora entendi tudo! Amei! Quero maisssss!

    ResponderExcluir
  6. Agora entendi! Mt bom, estou adorando assim! Posta mais

    ResponderExcluir
  7. É realmente se não tivesse explicado estaria doida agora, mas em algumas partes de pra entender. Estou amando a web está realmente perfeita, e até q enfim estava cansada de tantas brigas pelo amr de deus😍😊😍😊

    ResponderExcluir
  8. Entendi melhor agora haha, feliz por esses dois, poste mais logo
    Julia

    ResponderExcluir
  9. Ontw q Fofo os dois tentando se acerta,muiiito Lindos,torcendo por eles *---*
    Posta mais Por Favor,vc podia fazê uma Mini Maratona

    ResponderExcluir
  10. Ontw q Fofo os dois tentando se acerta,muiiito Lindos,torcendo por eles *---*
    Posta mais Por Favor,vc podia fazê uma Mini Maratona

    ResponderExcluir
  11. Ahhh❤️❤️ Muito Amor❤️☺️😍 Eles mereçem ✌️❤️ Melhor web ❤️✊🏼
    Maiisss ❤️😍☺️

    ResponderExcluir
  12. Já quero participar do grupo kk

    ResponderExcluir
  13. Queeroo participa do grupooo tbm...apaixonada por essa web

    ResponderExcluir