MINI WEB: Babysitter (resumo +) Parte 2

|


Resumindo: (apenas para quem não percebeu bem a mini web. Mas é que eu fiz daquele jeito porque queria deixar tudo em um único post, mas ao mesmo tempo não queria deixar ele com excesso de informação).

Arthur e Manu se conheciam há muitos anos, e começaram a namorar um pouco antes da faculdade. Os pais deles se conheciam, e pela simples razão dos jovens terem começado a namorar, o casamento, foi logo “combinado”. Antes do casamento, os dois se amavam muito, muito mesmo. Acontece que, depois do casamento, Manu começou a mostrar a verdadeira pessoa que era: falsa, consumista compulsiva e desleixada. 
Manu e Arthur tiveram a primeira filha, aos 17 anos. Como eram jovens e não sabiam nada da vida, os pais do Arthur é que ficavam a cuidar da pequena Sara. Porém, eles tiveram um acidente trágico e ambos morreram. Arthur ficou com uma fortuna enorme em mãos (desde mansão, empresas, muito dinheiro). Manu viu que o marido estava rico e que ela podia fazer qualquer coisa, então começou a comprar tudo o que era caro e se esqueceu que tinha uma filha.

Arthur não aguentava mais Manu, por ela ser desleixada com a filha e por gastar montes e montes de dinheiro todos os dias. A mini web começou mesmo quando ele chegou em casa, certo dia, e viu Manu batendo na filha, Sara, de três anos. Eles brigaram, pela milésima vez e essa briga originou a saída de Manu de casa. Ao fim de pouco tempo depois, eles se separaram.

Arthur era muito stressado, meio nervoso e tinha pouca experiencia como pai. Se viu aflito quando ficou sozinho em casa com Sara, pois não sabia fazer nada e se irritava com qualquer disparate que a pequena fizesse.
Então decidiu contratar uma babysitter que também serviu de “empregada”. Ela era Lua. a garota tinha experiencia pois cuidou dos seus sobrinhos desde nova. Ela ajudou Arthur com tudo e o que facilitou a vida de Lua, era que Sara desde o inicio começou a gostar de Lua. Lua dava banho nela, fazia café da manhã, almoço e jantar, brincava com ela… ou seja, eram como tia e sobrinha, ou quem sabe, uma irmã mais velha.
Sara adorava pegar em ovos e farinha e levar para os lados errados como por exemplo a biblioteca. 

Arthur passou com Lua, coisas que aconteceu com Sara e que ele nunca tinha visto. Por exemplo, a garota ficou doente e Arthur não sabia como cuidar dela, mas Lua o ajudou. Sara também fez muitos disparates, sujando tudo, mas Lua ajudou Arthur a se acalmar e a entrar na brincadeira com a pequena, para que tudo se tornasse mais divertido. 

Lua começou a trabalhar com contrato mesmo para Arthur, como babysitter de Sara e começou a dormir lá em casa, num quarto de hóspedes. Arthur havia tirado mais tempo do trabalho para ficar com Sara e Lua, em casa, ou então aproveitavam para sair. 

O facto de fazerem tudo juntos e Arthur estar tão dedicado em ser um pai melhor e ainda ser “ensinado” por Lua, fez ele despertar algo por ela. O primeiro beijo aconteceu quando, na piscina depois de brincarem os três juntos, eles foram até à cozinha, os dois, e depois de muito Arthur tentar a beijar, a garota cedeu. 

Continuavam se beijando, sempre sem compromisso. Uma vez, Arthur pediu pra Lua dormir no quarto dele e depois de muito a convencer, ela dormiu mesmo no quarto dele e COM ele. (Nessa parte é claro que eles fizeram bem mais que dormir, né, mas eu não fiz hot, apenas isso. Porém, haviam detalhes como “ela tinha a blusa dele vestida” ou “ela não tinha a sua roupa interior vestida”, ou algo do género, que dava a entender que eles tinham feito bem mais que dormir).

Quando acordaram, Lua e Arthur, se depararam com Sara, no quarto de Arthur, pintando a parede. O desenho retratava um casal dando um beijo. Depois de conversarem, os três, Arthur pediu Lua em namoro e ela aceitou. 

Então, esse foi o resumo. Espero que tenham entendido! Vou fazer continuação.

POV NARRADOR

Passados três anos, Sara, já com seis anos de idade, começava a sentir falta da mãe. Porém, Manu, pouco se lembrava se tinha filha ou não. Arthur nunca mais tinha recebido alguma notícia dela. 
Arthur continuava com os seus negócios, que cada dia iam melhor. Arthur não deixava nem que Lua trabalhasse, pois dizia que não era preciso mesmo, pois eles “nadavam” em dinheiro. Porém, Lua decidiu fazer as suas próprias jóias e vender na internet. Fazia para mulher, jovens e até crianças.

- Sara, você tá muito preguiçosa. Seu pai vai sair de casa e não te vai levar. Ai você vai reclamar que vai de onibus, não é? – Lua brincava com a pequena, no café da manhã
- Não enche tá? – Sara respondeu, fazendo careta. Ela era pequena, mas muito respondona. 
- Bom dia! – Arthur chegou na cozinha, dando um selinho em Lua e um beijo na testa da Sara. 
- Bom dia! – as duas deram
- Vai fazer o quê hoje, Lua?
- Nada, para não variar. – respondeu baixinho Sara
- Você disse alguma coisa? – Arthur a encarou. Lua entendeu bem o que Sara disse e ficou um pouco ofendida. – Eu vou entrar mais tarde no trabalho. Então só vou por a Sara na escola e depois eu volto para casa, tá bom?
- Sim. – respondeu Lua. 

Na hora de se despedirem, Arthur ia dar um beijo em Lua, mas Sara olhava fixamente para os dois. Lua se sentiu incomodada e beijou Arthur no rosto. Ele não entendeu, mas como estava atrasado, foi embora sem mais falar.
Lua ficou sozinha em casa e foi para o sofá, ligou a tv e ficou refletindo sobre algumas coisas até Arthur chegar de novo. Reparou que já não era a primeira vez que Sara respondia-lhe assim. Houve uma vez, no dia das mães, que Sara ficou do mesmo jeito, quando era suposto todas as mães irem à escola das crianças, e no lugar de Manu, Lua é que foi. Sara quis que a mãe de verdade voltasse e não que ficasse alguém que nunca lhe foi nada. 

- Voltei. – disse Arthur. Ele fechou a porta da entrada, jogou os sapatos para um lado e sentou no sofá, ao lado de Lua. Ela não havia dito nada e continuava meia pensativa e triste. – O que foi?
- Nada.
- Eu sei que é alguma coisa… está com um rosto de caso. Aconteceu alguma coisa?
- Não… está tudo bem.
- Foi alguma coisa com as jóias?
- Não. As vendas vão bem e tive novas ideias…
- Então, o que foi?
- É a Sara. Ela não é mais a mesma comigo. Não sei o que se passa…
- Eu sei. – disse Arthur, suspirando – Ela está com saudade da Manu. Mas a Sara não sabe a verdade. Não sabe a razão dela ter ido embora. Não sabe que é porque a Manu lhe trocou por dinheiro, que foi embora. Ela é pequena, eu não lhe quero contar essas coisas… 
- Eu sei… mas fico triste por ela estar assim fria, comigo.
- Não se preocupe. Aquilo vai lhe passar! – Arthur beijou a testa de Lua e passou as mãos sobre os cabelos dela

A verdade é que os comportamentos de Sara continuaram assim. Cada vez que Arthur via ela responder mal à Lua, brigava, mas era a mesma do que não fazer nada. Pior mesmo, foi quando soube que Lua estava grávida… 

Amanhã tem mais! O que querem que aconteça?

13 comentários:

  1. Ameeeeeeeeeeiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Posta Mais hojeeeeeeeeeeeeeeee pfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpfpf

    ResponderExcluir
  2. Quero maissss, to amandooo!

    ResponderExcluir
  3. EU tmb tratava a minha "madrasta" do mesmo jeito q a Sara està tratando a Luh (eu era pequena tmb) mais mudei... Espero q a Sara mude dessa atitude tmb...
    Posta maisss pff ... ❤️❤️❤️

    Gabby

    ResponderExcluir
  4. Se lua se afastasse ou acontecesse algo e a Sara perceber que Lua sempre esteve com ela e mudasse seus modos.
    adorando :)

    Ass: Chris

    ResponderExcluir
  5. ++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  6. Se acontecesse algo com Sara e Lua salvasse ela serio bom!

    ResponderExcluir
  7. super amando a web
    ass Sofia

    ResponderExcluir
  8. a Sara podia ouvir uma conversa entre a Lua e o Arthur falarem da mãe dela e saber que a abandonou por dinheiro e assim a Sara percebe que foi a Lu que esteve sempre ao lado dela, cuidando como uma mãe cuida de um filho.

    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei da ideia dela. e obg por fazer o resumo,deu pra entender melhor ;) faz a ideia da ana pfvr! Bjo

      Excluir
  9. Amamha nao. Posta hoje

    ResponderExcluir