2ª Temporada - "LuAr na Casa dos Segredos" - 17º Capitulo

|


POV ARTHUR

Confesso que os ciúmes que a Lua teve ontem de mim, me deu muito gozo. Eu até fazia de propósito, porque adorava vê-la daquele jeito. Por mais que ela negue qualquer sentimento por mim, eu só acredito mais ainda que ela me ama e com certeza gostava de me ter de novo ao seu lado, porém, é teimosa de mais.
Estes dias temos dormido na mesma cama, felizmente, mas sem o mínimo contacto possível. Eu até nem me importo, porque de manhã, quando acordou, encho-a de beijos… é, agente continua ficando apenas.

Arthur: qualquer dia pergunto à Carmo se ela aceita namorar comigo
Lua: como é que é? – ela saiu do banheiro irritada, de novo
Arthur: já que você não quer, ela pelo menos deve querer
Lua: faz isso então! – ela desafiou – Aproveita e fica lá no hotel com ela, porque você não dorme mais aqui! – me ameaçou
Arthur ri: tolinha – eu me levantei do sofá e fui lhe abraçar por trás, beijando o seu pescoço – Eu amo é você!
Lua: para Arthur, não diz essas coisas… - ela se afastou – Você sabe que eu to ficando cada vez mais maluquinha por você e você ainda faz isso
Arthur: tá ficando caidinha por mim é? – eu ri – Mas isso é ótimo!
Lua: não, não é. É difícil porque assim tenho de me controlar para não te agarrar ai mesmo e fazer uma loucura
Arthur: você não faz porque não quer
Lua: porque tenho medo e já te expliquei isso
Arthur: eu sei – suspirei – Vamos fazer estar assim até quando? Eu nem gosto de ficar desse jeito, só faço porque é com você
Lua: eu não sei… deixa agente ir para o Brasil e logo vemos
Arthur: vou ter ficar assim mais três dias, é isso? sinceramente fico cansado Lua
Lua: tá cansado porque quer. Está ficando comigo porque você quer!
Arthur: e você não?
Lua: logico que sim…
Arthur: não entendo qual é esse medo que você tem… não entendo mesmo. Eu não te vou fazer mal nenhum
Lua: sabe do que eu tenho medo mesmo? – ela me encarou – Tenho medo de começar a namorar serio com você e daqui a 5 anos isto não existir mais. Tenho medo de me entregar pra você e depois você me zuar porque foi péssimo ou algo do género. Tenho medo de ser criticada, abandonada e…
Arthur interrompe: Lua! – eu abracei ela – Eu nunca vou te fazer isso
Lua: ele também dizia que… - ela parou a conversa e foi para a janela
Arthur: ele? Ele quem? – ela não quis responder – Fala Lua, ele quem?
Lua: o meu ex-namorado. Aquele que eu tinha antes de entrar para a casa
Arthur: você nunca me falou dele
Lua: e você por acaso acha bonito eu estar com você e falar do meu ex?
Arthur: não… isso de jeito nenhum. Mas fala o que houve com ele – eu peguei a sua mão e sentamos os dois na beira da cama

A muito custo a Lua me contou tudo o que houve numa antiga relação que ela teve. Era aquelas relação de faculdade. Aquelas em que uma garotinha inteligente e bonita como a Lua, namora com um garoto que se acha e que ainda por cima é rico e tem montes de amigos. Segundo o que eu entendi, ele forçou a barra com ela e depois contou para todo o mundo.
Agora eu entendo o porquê dela ter ficando tao chateada comigo depois de eu querer dar um passo na relação. Agora entendo o medo dela.

Arthur: mas eu não sou assim. Você me conhece
Lua: eu sei que te conheço… mas o medo fica sempre
Arthur: nunca vou ser assim com você pequena. Você tem de acreditar em mim
Lua: eu acredito – ela me abraçou – Te amo! – sussurrou
Arthur: ama? – sorri pra ela e ela consentiu – Também amo muito você!

Sem falar mais nada, celei apenas os nossos labiso com um beijo. A língua dela pedia passagem e como é logico eu cedi. O beijo dela era maravilhosa, aqueles lábios macios faziam o beijo se encaixar perfeitamente…

Lua: mas chega… - ela saiu do beijo novamente – Vamos fazer o que hoje? – ela endireitava o seu cabelo
Arthur: que tal… - me aproximei dela de novo – Beijar muito?
Lua ri: não Arthur – ela me empurrou – Vamos sair por ai.

Fui, como sempre, pegar o meu panfleto de informação e olhei para a primeira coisa que apareceu à frente.

Arthur: vamos ver os mercados de artesanato?
Lua: o que é isso mesmo?
Arthur ri: não faço a mínima… vamos lá?

(…)

Chegando lá, não vimos nada de mais. Apenas algumas peças de decoração feitas de madeira, alguns corais pretos, escamas de tartaruga e outros artigos que representavam a vida e o ambiente de alguns locais das Maldivas.

Lua: você me trouxe para um lugar pouco romântico
Arthur: quer ir fazer o que quê então? São quase 8horas da noite
Lua: que tal… - ela pensou – Passear na praia?
Arthur: serve – eu ri

Fomos mesmo apé até à praia. Aquelas areias brancas trazem paz. Parece que estamos nas nuvens, um local calmo cheio de união.
E por falar em união…

Lua: o que aconteceu ali? – ela apontou para um grupo de pessoas que estavam lá sentados na areia
Arthur: devem estar fazendo o mesmo que agente – eu respondi, sem olhar, porque estava lendo algumas coisas no panfleto
Lua: larga isso Arthur! – ela tirou os papeis das minhas mãos
Arthur: eu tava lendo uma coisa interessante sabia? E que por acaso responde à sua pergunta
Lua: e o quê mesmo?
Arthur: depois de um dia cansativo de trabalho, as pessoas se juntam aqui nas praias para conviver e relaxar um pouco.
Lua: hum… que tal relaxarmos um pouco também?


Num momento meio inesperado, a Lua me puxou fazendo eu cair na areia e ela ficando por cima de mim. Repetimos aquele último beijo que demos no hotel. Essa pequena me surpreende, me preenche…

Obrigada pelos comentários e também pelos 142 seguidores *-*
Vocês sao D+! 

11 comentários:

  1. Posta ++++++++ *----*

    ResponderExcluir
  2. Uhuuuul! Posta maaaaaaaaais,muito perfeito!

    ResponderExcluir
  3. ain amo d++++++ essa web postaa ++++++++++++++++
    ass: Nina

    ResponderExcluir
  4. Posta +++++++++++++++++=
    Ameeii *-*

    ResponderExcluir
  5. divulga pra mim e de moda e to precisando de pessoas que me ajudem tipo postadora 2 etc pf

    ResponderExcluir