“Tudo por uma promessa” - 17º Capitulo

|

POV NARRADOR

Passaram duas semanas…
A dor de perder alguém tao importante ainda está marcada, e bem marcada. Mas a vida segue e é isso que Lua tem tentado fazer ao lado das suas novas amigas leais: Mel e Sophia.
Elas têm ajudado Lua a sair de casa, conhecer novos pontos de moda e claro a escolher o vestido de noiva da menina que se irá casar dentro de 3 semanas.
Viram como as coisas andaram?

Na semana passada, Lua e Arthur tiveram uma conversa seria e decidiram marcar o casamento. Nesse mesmo dia, foi feito um jantar na casa dos pais do Arthur para dar a boa noticia.
A dona Katia ficou confusa com tudo, mas só quer a felicidade do filho, assim como Leo, pai do Arthur.
Os padrinhos do casamento serão: Sophia e Guga, melhor amigo do Arthur. as coisas estão correndo às mil maravilhas, o problema é quando a Lua tem algumas “quedas”…

Basta ela olhar para uma foto, um objeto ou algo parecido, que já é o suficiente para cair em choro. Arthur sabia que iria ser assim, mas ele fica cansado de ter de consolar sempre a menina sensível.
Hoje era um desses dias, Lua apos o almoço, ficou na cama, deitada, chorando, enquanto olhava para a foto da mae.

Arthur: Lua, vamos sair
Lua: não quero Arthur – disse enquanto chorava
Arthur: vamos Lua, não aguento mais ficar em casa
Lua: vai voce…
Arthur: logico que não, voce vem comigo!
Lua: eu não quero Arthur! – ela disse irritada chorando – voce não entende que tá doendo aqui? – ela pôs a mão no lado esquerdo do peito
Arthur: por isso mesmo, vamos sair que isso vai passar
Lua: voce não entende nada… ninguém me intende! – ela disse caindo no choro de novo – voce acha que é fácil?
Arthur: e voce acha que é fácil para mim te ver assim?
Lua: não precisa de ver mais… quer saber? Que se lixe tudo… desisto dessa porcaria de promessa. Vai à sua vida, que eu fico aqui – ela disse virando para o lado e chorando de novo…
Arthur: eu largo a minha vida de adolescente, eu largo a minha namorada, os meus amigos, a minha família, pra te ajudar nisso e depois do nada voce vem com essa de “desisto”? – ele disse sem acreditar no que ouviu
Lua: ninguém me entende Arthur – ela disse com os olhos bem vermelhos – ninguém!
Arthur: eu to aqui… fala comigo, deixa eu entender
Lua: voce tem sido super legal comigo, o melhor de sempre, mas voce não entende… a minha mae era tao especial para mim
Arthur: e eu não sou especial para voce?
Lua: claro que é, mas não do mesmo jeito
Arthur: então aproveita que eu to aqui do seu lado Lua – ele se aproximou da menina que continuava deitada e limpou as lagrimas delas – me curte enquanto eu to aqui. Faz eu acreditar que ter largado tudo para te ajudar, foi a escolha certa!
Lua: - ela sorriu – obrigada Arthur…
Arthur: diz pra mim que não vai desistir de nada e que vai ficar aqui comigo
Lua: eu não vou desistir de nada, eu vou ficar com voce – ela disse finalmente dando um sorriso lindo
Arthur: assim eu gosto – ele sorriu – vem, vamos sair
Lua: não Arthur, sair não… tudo menos isso – ela pediu
Arthur: assistir a um filme
Lua: tá bom… eu quero de romance
Arthur: pra voce chorar? Nem pensar! Quero de comedia
Lua ri: tá bom, pode ser então
Arthur: vamos ver nada sala
Lua: porque não pode ser aqui? To com preguiça de levantar
Arthur ri: fazemos assim

Ele veio manhoso até ela e pegou ela no colo bem rápido antes que reclamasse. Foram para a sala. Arthur colocou ela no sofá, foi à cozinha buscar bolachas e sucos, pegou o filme, pôs no DVD e sentou ao lado dela.

Arthur: agora se prepara que voce vai rir até não poder mais
Lua ri: to precisando disso

Bom, essas eram as novidades. Mas nem tudo acabou por aqui. Lembram-se da Matilde? Ela se juntou ao Thiago e estão ambos juntos para deitar à baixo o plano de Lua e Arthur.

Thiago: bom, como vamos fazer?
Matilde: nós devia-mos nos aproximar deles
Thiago: nós não… voce! Porque ela me odeia
Matilde: ahh, claro… então eu me aproximo deles e depois?
Thiago: depois voce vai… - e ficaram falando

À tarde passou…
Lua e Arthur ficaram vendo o filme de comedia. Lua se animou tanto que se esqueceu completamente dos problemas que tem à sua volta. Ao lado das risadas do Arthur ela se sentia nas nuvens; num lugar magico… arthur tinha esse efeito nela.
Assim que o filme acabou…

Lua ri: que lindo – ela não parou de rir – adorei esse filme
Arthur ri: ainda bem, eu também ri muito
Lua: mas agora preciso de ir no banheiro – ela disse sem parar de rir
Arthur ri: tá, não demora. Depois vem cá
Lua: tá bom

Ela foi para o banheiro e ele ficou arrumando a confusão que eles fizeram na sala. Arthur arrumou tudo e depois sentiu alguém o abraçando, por tras, encostando o rosto no seu pescoço, de um jeito fofo…

Arthur: Lu? – ele disse sorrindo – voltou rápido – disse ele voltando ela para si
Lua: voce não pediu que fosse assim?
Arthur: pedi – eles sentaram no sofá
Lua: voce tem sido um anjo pra mim sabia? – sorriu – voce tem me feito coisas que ninguém fez… nunca pensei encontrar alguém assim como voce
Arthur: voce merece linda – ele sorriu

E ao sorrirem um para o outro, fazendo carinho um no rosto do outro, se aproximaram e se beijaram.
Beijavam-se bem devagar, sentindo a respiração lenta um do outro mas aos poucos, o beijo foi evoluindo e já se podia muito bem sentir o gosto da língua de um lado para o outro.
Essa coisa de língua para um lado, língua para o outro (kkk me lembro lek lek lek) so acontecia quando a coisa esquentava de mais e Arthur e Lua perdiam a noção do “perigo”. Mas hoje era diferente… eles estavam bem cientes do que estavam a fazer e nem se importaram.
Quando deram por si, Arthur tava por cima da Lua, subindo a blusa dela, enquanto ela bagunçava os cabelos dele…

Arthur: voce acha que… - ele deu a entender fazendo um gesto com um rosto
Lua: voce acha? – ela disse sem folego
Arthur: eu acho que tá na hora…
Lua: continua… - sorriu

Apos a confirmação sorridente de Lua, Arthur avançou de novo para a blusa dela, mas depois se apercebeu do lugar onde ele estava, passou o beijo e pegou a mao dela.
Os dois subiram as escadas da casa, calados, sorridentes e nervosos e foram para o quarto.
Arthur fechou a porta, deixando Lua passar primeiro e assim que se virou para a moça, que desatou o cabelo, dando um ar mais sexy, sorriu de novo. Era impossível não sorrir para uma coisa daquelas.
Eles se aproximaram, iniciando de novo um beijo bem quente e ai aconteceu o que se esperava…

E ai, quanto vale? 0-10?
Amanha vai ter mais promenores


7 comentários:

  1. Ameeii *-*
    Posta ++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  2. 100 posta maisss com bastante detalhes

    ResponderExcluir
  3. faz a terceira temp. de mais q melhores amigos pfpfpfpf

    ResponderExcluir
  4. 10, posta maiiiiiis pfpfpf

    ResponderExcluir
  5. Ameeei , 10. Quero ver só o filhinho deles deve ser a coisa maais linda !

    ResponderExcluir