Mais que melhores amigos - 95º Capitulo

|

No dia seguinte…

-Eu e a Sophia passamos a noite rindo e conversando sobre tudo. Ela realmente me ajudou a esquecer um pouco a situação de ontem. Hoje acordamos já passava das 11horas da manha, mas também era sábado por isso não tinha problema.

Lua: acorda sophia – joguei o travesseiro para ela
Sophia: aii sua louca, me deixa dormir vai
Lua ri: não, levanta vai
Sophia: mais um pouco – ela voltou a fechar o olho
Ana chega: bom dia gatinhas
Lua: Ana? O que voce faz aqui sua louca? Porque ta pegando nisso? – levantei rápido da casa e fui pegar o tabuleiro que ela tinha
Ana: vim vos acordar e visitar vocês
Lua ri: amei
Sophia: oii Ana, como ta o Bê? – ela finalmente se levantou da cama
Ana: ta bem… ta chutando de mais
Lua: cade o Lucas?
Ana: ficou la em baixo… vim te convidar para uma coisa… ou melhor, vos convidar
Lua/Sophia: para que?
Ana: casamento
Lua e Sophia: AHHHHHHHHHHHHHHHHH
Sophia: aii meu deus, é quando?
Ana ri: daqui a um mês
Lua: fala serio… um mês?
Ana: sim Lu, porque?
Lua: o arthur não vai poder vir
Ana: será que não?
Lua ri: o que voce sabe que eu não sei?
Ana ri: desculpa Lu, eu não sei de nada
Lua: que pena…
Ana: mas voce vai ou não?
Lua ri: claro que vou tolinha
Ana: e voce sophia?
Sophia ri: claro que vou. Tenho de falar com os meus pais
Ana: e vocês têm de dar o convite à Mel também
Sophia: e… o Mica e o chay podem ir?
Lua: são os namorados delas
Ana: claro
Sophia: temos de começar a ver os presentes, as roupas e…
Lua interrompe: eii, ainda falta um mês
Sophia: um mês passa voando Lua!
Lua: se voce diz…

-Deitei na cama pensando nesse casamento e no arthur enquanto elas ficaram falando de vestidos e sapatos.

POV ARTHUR

-Ontem, depois da balada, o meu pai foi me buscar e ainda levou a Mara a casa. Ela e o Marcos ficaram na balada e sim, teve gente dando em cima de mim, mas vocês sabem que eu so tenho olhos para uma né? E não… eu não bebi! Me portei bem
-Hoje, dormi ate tarde mas assim que acordei fui para o skype esperar a Lua. Não falo com ela a 2dias, to morrendo de saudade

(…)

-So mesmo depois da hora de almoço, é que ela entrou. Tratei logo de ligar a câmara e ela aceitou.

Arthur: oii amor
Lua: amor?
Arthur: não é o que voce me é?
Lua: voce não ta bolado comigo?
Arthur: não porque?
Lua: porque eu estou com voce – ela ficou brava do nada
Arthur: porque?
Lua: faz hoje dois dias que não falamos
Arthur: e voce acha que eu não estava com saudade?
Lua: se tava com saudade porque não entrou ontem em vez de ir sair com “os amiguinhos” – ela fez aspas mesmo com os dedos
Arthur: ciúmes?
Lua: não! – ela fez bico
Arthur: então?
Lua: voce me esqueceu
Arthur: te esqueci? Amor, não inventa vai
Lua: agora eu sou mentirosa?
Arthur: amor, vamos começar de novo ok?

-Desliguei a chamada… esperei um pouco e voltei a ligar de novo.

Arthur: oii amor, tudo bem? – sorri
Lua ri: bobo… tudo e voce?
Arthur: também. Eu tava com saudade
Lua: meu lindo, eu também estava com saudade
Arthur: não fica melhor assim?
Lua: fica… desculpa, mas eu pensei que voce tava chateado comigo
Arthur: mas eu não estava. Voce é que ficou do nada comigo
Lua: claro, voce não falou comigo ontem para ir sair com eles
Arthur: eles são os meus novos amigos e têm me ajudado muito
Lua: imagino – ela virou os olhos
Arthur: se voce tava com saudade, porque não fala agora que eu estou aqui?
Lua: voce também tinha saudade
Arthur: estou tentando falar mas voce ta arrumando coisas para brigar… eu não quero brigar
Lua: nem eu
Arthur: então deixa de ser tolinha. Eu to aqui não to?
Lua: ta… desculpa
Arthur: não tem que pedir desculpas… so não quero brigar porque agente ta muito longe um do outro para ter essas cenas ridículas
Lua: nem são ridículas
Arthur: ok… não temos tempo para brincar de ciúmes
Lua: eu não tenho ciúmes! – ela fez bico – so não gostei de voce ir para a balada, numa sexta à noite, com duas garotas que voce não me disse quem eram e ainda por cima estar com esse rosto terrível
Arthur ri: isso tudo porque voce não estava com ciúmes né? imagina se estivesse
Lua ri: bobo… quem eram elas?
Arthur: a morena é a Luisa, minha colega de turma. A loira é a Mara, minha futura colega de turma e sobrinha da Sílvia
Lua: ata!
Arthur: a Mara não é parecida com voce? Juro que quando vi ela de trás, pensei por momentos que era voce
Lua: comparou as medidas foi? – ela cruzou os braços
Arthur ri: claro que não tolinha. Foi o cabelo, é super idêntico ao seu
Lua: ta. Mas ela é ela e eu sou eu
Arthur: super sei amor! Diz agora o que eu amo ouvir
Lua: o que?
Arthur: voce sabe – sorri
Lua: te amo?
Arthur: pode repetir?
Lua: te amo, te amo, te amo, te amo…
Arthur ri: também te amo muito e to com muita saudade. To louco para chegar ao dia de te abraçar. Juro que te abraço e nunca mais te largo
Lua: eu vou fazer o mesmo amor. Sinto saudade do seu abraço…
Arthur: do seu beijo…
Lua: eu seu calor
Arthur: resumindo… se voce!
Lua: te amo
Arthur: também te amo
Lua: e tenho uma novidade
Arthur: que novidade?
Lua: tenho um cão
Arthur ri: um cão? Serio?
Lua: sim… vou buscar para voce

-Ela saiu por um pouco para ir buscar o cão dela. A câmara apontava para a sua cama e dava para ver ainda a minha blusa lá. Que lindo, ela ainda dorme com a blusa.
-Pouco depois, ela voltou com um cão bem pequeno. Ele tinha a pata da frente com uma ligadura

Arthur: nossa Lu, que fofo
Lua ri: é não é? Mas falta uma coisa para ele
Arthur: o que?
Lua: o nome
Arthur: ahh, porque voce não deu?
Lua: queria a sua ajuda
Arthur: ah… deixa eu pensar
Lua: ta… mas pensa rápido
Arthur: já sei
Lua: diz
Arthur: freddie?
Lua: porque?
Arthur: quando eu estava em são Paulo, eu tinha um cão com esse nome
Lua: ohww, que lindo. Voce nunca me tinha dito
Arthur ri: esqueci amor… mas voce gosta?
Lua: hum… - ela fez ar de mistério – claro que sim baby. Obrigada.
Arthur ri: ainda bem e de nada.
Lua: vai Freddie, vai com a Ana – ela pos ele no chão – a Ana vai casar
Arthur: quando?
Lua: daqui a um mês – ela baixou a cabeça
Arthur: que foi?
Lua: queria tanto que voce estivesse aqui – ela disse ainda com a cabeça baixa mas com voz de choro
Arthur: amor, chorar não… por favor – disse segurando o meu choro tambem

Mais tarde tem mais


11 comentários:

  1. Traz o Arthur pro Brasil por casamento

    ResponderExcluir
  2. Ia ser tudo perfeito se o Arthur viesse pro casamento da Ana e ele e a Lua fossem padrinhos , além do mais porque eles são padrinhos do filho da Ana né ... Aaah e gostei do nome do cachorro que foi a sugestão que eu dei ... vlw

    ResponderExcluir
  3. ++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir
  4. cris pq vc num faz assim o arthur diz a mãe dele q quer ir para o casamento da ana, ai a mãe dele deixa só q ele ñ conta nada a lua, ai lua pergunta a ele se ele vai poder estar no brasil para o casamento ele diz q ñ pode,ai quando chega no dia do casamento logo cedo ele chega no brasil ai ele e lua tem um reencontro bem romantico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu amei a ideia faz isso por favor

      Excluir
    2. Amei a ideia, faz assim Cris por favor

      Excluir
  5. faz os pais do arthur desistirem dele ter de ficar em NY,ou pelo menos faça ele ir pro brasil no dia do casamento,não queria q eles ficassem tao longe assim!

    ResponderExcluir
  6. Posta ++++++++++++++++++++++++++
    Amei *-*

    ResponderExcluir