Especial Fim de Ano - LuAr

|



*Isto será a continuação do “Especial Natal”*

Lua e Arthur, apos o melhor Natal da vida deles, estavam namorando. Completariam 1 semana de namoro do dia 1 de Janeiro do ano que ai vinha.
Aquele final de semana que eles passaram no hotel foi o melhor Natal da vida deles e Arthur não queria deixar passar o Fim de Ano em branco.
Queria fazer uma surpresa para a Lua, queria que fosse mais uma data especial para ela levar na sua memória o resto da sua vida.

Mas antes disso…
Apos o final de semana, eles voltaram para as suas casas.
O vídeo que o Arthur fez foi o mais comentado da semana… ainda hoje se ouviam comentários da declaração que ele fez para a Lua.
Lua estava nas nuvens… pensava ate que tudo não passava de um sonho como tantos outros que teve antes. Mas não… este era um sonho real e bem real…

A nova Lua, continuava com o seu novo estilo e não pretendia o deixar nunca. Os pedidos de amizade no facebook e os seguidores no twitters o aumentavam… e não era so isso que aumentava. Aumentavam também os ciúmes do Arthur por cada garoto que olhava a Lua de cima a baixo sempre que passava por ela.

Arthur: odeio isso – disse ele de mão dada a ela, passeando na rua
Lua: o que?
Arthur: porque todo o cara que te ve , te baba?
Lua ri: não sei… talvez tenho alguma coisa na testa, será?
Arthur: ra-ra-ra! Não tem graça nenhuma
Lua: é para ver o que eu sofria quando te via no colégio com uma garota te babando e tocando
Arthur: não tenho culpa de ser lindo – ele riu
Lua ri: somos dois ok?
Arthur ri: convencida
Lua: eu posso ok?
Arthur ri: ok princesa – ele deu um selinho nela
Lua: o meu pai não aceita muito esse namoro
Arthur: serio? – ele a olhou com uma cara assustado
Lua: serio… ele diz que eu mereço melhor.
Arthur: e voce?
Lua: eu o que?
Arthur: o que voce acha?
Lua: eu acho que voce é o melhor para mim
Arthur: acha mesmo?
Lua: eu não minto ok?
Arthur: pára de dizer ok Lu. E sim, eu sei que voce não mente
Lua: ta bom – ela deu uma risada gostosa como ele gostava – e voce?
Arthur: eu o que?
Lua: eu chego para voce ou voce merecia mais?
Arthur: voce chega e sobra para mim – ele segurou ela pela cintura como sempre desejou fazer – Voce é a tal sabe? É a meia que me faltava
Lua ri: cafona  - deu um tapa nele devagar – Me ama?
Arthur: amo
Lua: também te amo

Foi o primeiro “Te amo” que eles disseram… se bem que a Lua merecia ouvir melhor. Mas com o tempo, as coisas vão andar…

(…)

30 de Dezembro…
Um dia quente no Rio. Lua estava indecisa com a sua roupa para o fim do ano. Arthur estava na cama dela, cheio de calor, esperando a namorada…

Arthur: Lu, ate nua voce estava perfeita amor, pára de olhar o seu armário
Lua: deixa de ser tarado… ou voce quer que eu vá desse jeito?
Arthur: para eu ficar louco e arrancar a cabeça de todos os garotos que te olharem? Não!
Lua: então, calado! Eu ainda não sei o que levar
Arthur: ainda faltam mais de 24horas e eu estou morrendo de calor
Amor
Lua: aguenta mais um pouco
Arthur: so se voce me beijar agora!

Planos para o fim de ano?
Diversão, bebida e muita loucura!... mentira!
Diversao sim, muito amor e muitos beijos.

Arthur tinha tudo pensado e planeado.
O hotel já estava marcado, faltava so uma desculpa para a Lua dormir fora. Mas isso, as meninas tratavam

Mel: ela vem dormir na minha casa
Sophia: não, é melhor na minha
Arthur: meninas, se decidam! A Lua hoje não dorme na casa dela, para dormir onde?
Mel: na minha! Eu disse primeiro
Sophia: ok, voce ganhou
Arthur: muito bem. É so uma mentirinha… não tem importância
Mel: cuida bem dela ouviu Aguiar?
Arthur: claro que vou cuidar
Sophia: se acontece alguma coisa à minha princesa, eu te mato!
Arthur: será que ela demora?

Estavam os três esperando a princesa a quase 30 minutos.
Estavam todos na casa da Lua. Ela pensava que iam sair em amigos, para passarem o fim de ano juntos, mas não era isso que o arthur queria.
Ele queria uma coisa so deles, uma coisa romântica e que permanecesse na memoria de ambos para sempre…

Finalmente a Lua desceu…
Parecia um anjo descendo ate à terra… mas nesse caso, ela so estava descendo as escadas mesmo

Mel: sophia, vai buscar um balde
Sophia: para que?
Mel: para por a baba do arthur – elas riram do moço que mantinha ainda a boca aberta
Arthur: voce ta perfeita… - ele disse olhando ela de cima à baixo

Lua tinha o cabeço preso, com uma simples trança. Tinha um vestido branco, com algumas tachas espalhadas. O vestido era tomara que caia. Os seus ombros ficavam à mostra e isso dava um certo brilho nela. Os seus sapatos eram lindos... e para completar, o seu MAKE UP bem leve

Sophia: amiga, eu disse que o sapato ia arrasar ai
Mel: mas o cabelo ficou super bem
Arthur: voce ta perfeita… - ele repetiu
Lua ri: voce ficou gago?
Arthur: não… so fiquei de boca aberta mesmo
Lua ri: voce também esta lindo amor

Arthur também estava de branco. “Parecia um anjo”, pensava Lua.

Os dois saíram de casa e foram para onde o Arthur tanto desejava.
O hotel… finalmente! Lua se assustou quando viu o namorado abrir a porta do quarto. O quarto era grande e muito lindo. Tinha uma cama enorme e ao lado dela tinha uma garrafa de champanhe com duas taças ao lado.
Em frente, tinha uma janela enorme onde tinha vista para o céu.

Lua: o que é isso? – ela disse rendida
Arthur: não gostou? – ele perguntou assustado
Lua ri: claro que eu gostei… é lindo. Mas…
Arthur: eu quero passar que o ano com voce. Se importa?
Lua: claro que não arthur… eu vou amar
Arthur: posso repetir uma coisa?
Lua: o que?
Arthur: voce ta perfeita

Lua dava risadas com a cara que o arthur fazia quando lhe elogiava. Ele conseguia ser fofo e engraçado ao mesmo tempo.
Ambos se renderam aos encantos um do outro e se beijaram.
A noite estava perfeita e muito quente… o clima entre eles era de estrema paixao.
Faltam 30 minutos para o fim desse ano cheio de surpresas e a garrafa de champanhe já ia a meio.

Lua: chega de beber – ela pos a taça na mesa
Arthur: porque? – ele disse de copo na mão
Lua: porque eu não estou acostumada a beber
Arthur: tudo bem – ele fez igual a ela – Espero que este ano que vem ai, te traga tudo de bom
Lua: digo o mesmo para voce. Voce merece tudo amor
Arthur: voce também. Muita paz, amos e felicidade
Lua: amor so basta o seu
Arthur ri: eu estava a referir isso mesmo.
Lua ri: bobo
Arthur: eu te amo – ele disse sincero olhando nos olhos dela
Lua: repete… - ela disse chegando os olhos e amando o que estava a ouvir
Arthur: eu te amo – ele disse perto do seu ouvido fazendo ela arrepiar
Lua: também te amo

Ela lançou os seus abraços aos ombros dele e deram um grande beijo.
Os minutos so passavam e eles ainda estavam naquele clima de romance. Estavam sentamos do sofá ainda se beijando. Se bem que o corpo do Arthur estava mais inclinado sobre o corpo da Lua. As mãos do arthur permaneciam nas coxas da Lua… a medida que o tempos passava, so subia.

Lua: vem… - ela parou o beijo e o puxou para a janela – Esta quase
Arthur: - olhou para o seu relógio – 5…
Lua: 4…
Arthur: 3…
Lua: 2…
Arthur e Lua: feliz ano novo amor

Se abraçaram e deram um beijao. Depois, apreciaram o fogo que rebentava pela cidade… a luz do fogo de artificio batia toda no seu e fazia um clarão lindo. Ouvíamos muitos gritos das pessoas felizes pelo novo ano que ai vinha…

Arthur: pede um desejo
Lua: vou pedir

Ambos olharam o céu e fecharam os olhos. Pediram o que tanto queriam já a tanto tempo. Esperavam que todos os seus desejos se realizassem

Arthur: vem

Arthur pegou a mão de Lua e a puxou mais para o seu corpo. Ele fez um carinho no seu rosto, puxando a sua mecha de cabelo para trás para que o seu rosto ficasse mais visível. Ela mantinha os olhos fechados e ia so sentindo o toque dele.
Os lábios deles se encostaram e ai nasceu o primeiro beijo do ano.
A medida que o beijo crescia, o desejo que o arthur tinha pela Lua também crescia. Mas ele tinha medo de levar as coisas tão rápido, mas ia tentar…
Ele sabia que so namoravam a 1 semana, mas o amor deles dois já estava presente nos corpos de ambos à muito tempo.

Arthur andou ate chegar com Lua à cama. Se deitaram lá e o beijo sempre continuou…
As mãos de ambos passava pelo corpo de cada um. Lua tinha percebido a ideia de Arthur mas não tinha a certeza que querer dar esse passo agora.
Arthur levou as suas mãos ate ao ziper do vestido da Lua e puxou…
Eles se olharam…

Arthur: se voce quiser, eu paro
Lua: não… continua

Sorriam um paro o outro e a noite continuou…

(…)

No dia seguinte, ambos acordam, ao mesmo tempo por estranho que pareça. Estavam so cobertos pelo lençol, nada mais estava no corpo de ambos. As poucas horas que dormiram, foi de conchinha, tal como sempre a Lua sonhou dormir com o arthur.

Arthur: bom dia – ele disse manhoso, dando um beijo no pescoço da Lua
Lua: bom dia vida – ela disse se virando para lhe dar um selinho

O sorriso era visível no rosto de ambos

Arthur: foi especial para voce?
Lua: mais que especial… foi perfeito, pura magica!

Ele sorrio e se beijaram de novo… passaram a manha toda assim


Gostaram?


8 comentários:

  1. perfeito como tudo q vc faz *-*
    feliz ano novo pra vc cris
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Sim, achei muito fofo!
    Feliz ano novo! :)

    ResponderExcluir
  3. Feliz Ano Novo Cris, tudo de bom !!
    Posta ++++++++++++++++++++++++++++
    Amei *-*

    ResponderExcluir
  4. super ameeeeeeeeeeeeeeei Cris!!
    P-E-R-F-E-I-T-O

    Feliz Ano Novo!!

    ResponderExcluir
  5. aiii mt lindoooo q primera vez perfeitaaaa amei posta +++++++++++++++++++++++++++++

    ResponderExcluir