15 dias para confessar - monstruosa

|



Lua

     Odeio ser má. Odeio ter de passar por isto. Eu devia de ser capaz de fazer as coisas na hora; devia de ser capaz de colocar pontos e virgulas conforme fosse preciso; não devia de adiar e chegar a um ponto em que a situação tenha de terminar de uma maneira tão má como a que acabei de fazer.
   
     Sinto-me um monstro por ter sido expulsa da casa do Bruno daquela maneira, após lhe ter dito determinadas palavras que o possam marcar para sempre. Nunca alguém me tratou daquela maneira. Mas eu mereci. O que fiz não tem perdão e tudo o que ele disse foi a mais pura das verdades. Talvez eu não passe de uma rapariga infantil, com os sentimentos à flor da pele ou com as hormonas aos saltos que se julga mais do que as outras por ter dois rapazes mais velhos atrás de si.

     Em momento algum quis parecer alguém desse género. Talvez tenha só pensado em mim e não ter dado a mínima para os sentimos dos outros. Mas eu importo-me com os outros, caso contrário, continuaria a sair com o Bruno mesmo sentindo um amor enorme por Arthur. Se eu fosse o real monstro que Bruno diz que sou, eu estaria a namorar com o Arthur e a sair de vez em quando com o Bruno. Não diz isso, mas sou um monstro na mesma, segundo o meu ponto de vista.
     Sinto-me confusa. Acho que fiz uma boa ação mas sinto-me tão mal.

     Após sair da casa do Bruno, foi para a casa da Dianna. Minto. Não saí da casa do Bruno, eu fui expulsa de lá!

     Quando cheguei à casa da minha melhor amiga, toquei à campainha, e assim que ela me abriu a porta eu abracei-lhe e chorei no seu ombro.

- Eu terminei tudo com o Bruno.
- Já vi que as coisas correram mal. - Dianna passou a mão nas minhas costas e convidou-me a entrar.

     A sala ainda tinha o cheiro do perfume do Nuno, namorado da Dianna. Provavelmente este ali à bem pouco tempo, mas deve ter ido consular o seu amigo, após a monstruosidade que eu fiz.

- Sei que fiz o que estava certo, mas sinto-me tão mal e agora acho que não sou capaz de fazer nada com o Arthur. - Choramingava eu - Mas porra, ele vai embora daqui a uns dias e se eu não lhe disser nada até ao fim deste ano, ele vai embora e eu não o vejo mais. Ajuda-me!
- É normal que te sintas assim. O Bruno ligou ao Nuno todo fodido. Ele estava à chorar e só sabia dizer mal de ti e do Arthur. Mas relaxa. Sabes que eu e o Nuno já terminamos algumas vezes e ele reagia da mesma maneira. É normal, mas depois passa. Penso que esta espécie de relacionamento que tiveste com o Bruno deve ter sido a coisa mais séria que ele alguma vez teve na vida, por isso, com o fim da mesma, ele encontra-se neste estado. - Dianna suspirou - Quanto ao Arthur, se ele esperar mais uns tempos até tu te sentires pronta, julgo que ele não morre.
- Mas após ele deixar-me, no verão, eu fiquei com o Bruno para ter aquele apoio, estás a ver? - Olhei nos olhos de Dianna - E se o Arthur decide fazer o mesmo?
- Ele é que sabe o que realmente quer.
- Não faz sentido Dianna. Eu não quero que ele encontre um apoio nos braços de outra rapariga.
- Então volta com ele porra!
- Mas acho que vou ficar com a consciência pesada!
- Então o que é que tu queres? Queres voltar para o Bruno e ficar infeliz? - Abanei a cabeça negativamente - Ou queres ser feliz com o Arthur? - Assenti. - Então vai lá miúda! Esquece o Bruno. Vai passar-lhe. Ano novo, vida nova, namorada nova.
- Ele ofereceu-me um quadro pequeno com uma foto nossa. Quando o recebi em mãos, tive vontade de voltar atrás, mas comecei a chorar compulsivamente e ele perguntou-me porquê. Não tive como esconder isto.
- Fizeste então o que estava certo. Mas é claro que, tipo, se acabaste hoje com ele, não vais voltar logo amanhã com o Arthur. Dá algum tempo.
- Eu sei, achas que sou louca? - Encarei Dianna e limpei o meu rosto. - Vou dar um espaço de alguns dias... depois falo com o Arthur.
- Acho que é melhor assim.

(...)

     Quando cheguei a casa, caminhei logo para o meu quarto, passando antes pela sala, dando boa noite à minha família.
     Tirei a minha saia, o meu casaco, os meus sapatos, desatei o cabelo e fui para a cama. Pouco depois, ouvi uma batida na porta. Suspirei e pedi que entrasse.

- Então, o que se passou? - Era a minha mãe. Encostou a porta e sentou-se à beira da minha cama.
- Acabei com o Bruno.
- Por causa do Arthur?
- Está assim tanto na cara?
- Uma rapariga que namora com um rapaz, não passa uma noite da casa de outro rapaz mesmo que ele seja amigo.
- Eu e o Bruno não namorávamos. Mantínhamos uma relação diferente... mas não era um namoro.
- E com o Arthur o que vai ser desta vez?
- Eu gosto do Arthur e ele gosta de mim.
- Mas segundo o que percebi, ele vai embora daqui a uns dias. Vão conseguir namorar à distância?
- Sim, espero eu. - Engoli seco. Isso é uma das coisas em que ainda temos de pensar.
- Espero que estejas ciente do que estás a fazer. Eu fico feliz seja qual for a tua escolha. Gosto de te ver com o Arthur. Ele tem melhor aspecto do que o Bruno. - Demos uma risada.

     O Bruno adora preto, tem um brinco na orelha e adora rock. Pouco ou nada ligo ao aspecto exterior. Interessa-me saber é do interior das pessoas que quero ter ao meu lado.


(...)

Notas finais:

Mais 10 comentários e eu posto outro hoje!!

As cenas estão a compor-se ou não? Acham que eles terão futuro? Ou acham que o Arthur vai embora antes da Lua dizer alguma coisa? E o Bruno? Acham que ele vai fazer alguma coisa?

15 comentários:

  1. Aí meu Deus! Ela tem que falar com Arrhur logo! E o Bruno tem que esquecer os dois! Amando a web!!!

    ResponderExcluir
  2. Preciso falar que eu amei? Acho que não né! Posta mais mulher haha

    ResponderExcluir
  3. Por favor! Cris posta outro hoje!! To morrendo de curiosidade!! LuAr tem que voltar logo!!

    ResponderExcluir
  4. Tô louca para que chegar ao nível 5

    ResponderExcluir
  5. Ahh tomara que a Lua vá atras do Arthur antes que ele vá embora!!

    By: Naat

    ResponderExcluir
  6. Tomara que a Lua esqueça os níveis e passe o Arthur pro 5 já!! Posta mais um hoje por favor! Adoro essa web!

    ResponderExcluir
  7. Lua minha filha esqueça esses nivel e corre atras do Arthur ahhhhhhhhhhh eu quero mais :)

    ResponderExcluir
  8. posta logo ansiosa aiiiiiiiiiiiiii ela tem que pra casa dele isso t demorando ave ansiosa curiosa tou agoniada ja kkkk

    ResponderExcluir
  9. amo essa web fazia tempo que não vinha aqui no blog que bom que vc ta postando já quero mais

    ResponderExcluir
  10. Se fosse eu ja tava na cama do Arthur kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  11. Bruno idiota não gosto dele isso é fato! kkkk Arthur lindo acho que vai ar certo s dois juntos eles se amão de mais gente poste logo não seja mal

    ResponderExcluir
  12. Ela tem que agir logo e se declarar pro Arthur. Mais?

    ResponderExcluir