Treinando a Mamãe - Capitulo 43

|


- Onde você estava esse tempo todo? - Thammy chegou da escola e continuou com perguntas e mais perguntas. Amy não ficaria para o jantar, falou que o namorado estava lhe esperando no hotel. Mas só fato de ter passado a tarde toda com ela, já me alegrou muito.
- Eu? Ah... Eu morei em Barcelona, Paris, Bolívia... E hoje eu moro na frança com o meu pai. - Ela disse, toda paciente, afagando o cabelo da Thata.
- Quem é o seu pai? - Théo perguntou. Estavam os três deitados na minha cama, e eu sentada na beirada.
- Hã... é... - Ela me olhou sem graça e eu lhe fiz um sinal para encerrar aquela conversa. - Bem, é um cara muito chato. Mas me contem de vocês. - Logo mudou de assunto.
- O que você quer saber?
- Que séria vocês cursam?
- Somos 2° série, 3° ano. E você? - Quem mais falava era Thammy, como sempre.
- Eu acabei o colegial, agora faço faculdade. - Ela afirmou, e eu sorri encantada. - Quero ser Policial.
-  Ah, então eu quero ser policial também.
- Policial é homem, vocês são meninas. - Théo questionou.
- Não filho, tem várias mulheres dominando por ai hein. - Disse, olhando-os. Os meus três filhos ali diante de mim. - Mas, você não falou que queria ser Veterinária, Thata?
- É Théozinho, tem várias mulheres que são jogadoras de futebol, policiais, engenheiras, pedreiras... Entre outros. - Amy falou, e bagunçou o cabelo dele.
- Jura? - Ele pareceu surpreso. -Eu pensei que era só os homens.
- Amy, o seu pai é o nosso pai também?
Thammy quando encasquetava em alguma coisa, não tinha quem lhe fizesse mudar de ideia. O que iriamos fazer? Amy apenas me olhava esperando algum sinal, e eu não poderia simplesmente falra coisas que iria magoar tanto ela quanto théo. Passei esse tempo todo falando que eramos só nós três, independente de outras famílias que tinham pai e mãe juntos, eramos apenas nós três. E eles sempre entenderam isso, mas agora tudo mudou. A vinda da Amy trouxe muitas felicidades, mas muitas conversas ocultadas.
- É sim, Thammy. O meu pai é o seu pai e o do Théo. - Disse erguendo-se na cama, e tocando o queixo dela que ergueu também. Théo permaneceu deitado.
- Minha mãe falou que só eramos nós três, sempre. - Ele disse me olhando. - Não é mãe?
Não falei nada.
- Você vão gostar dele. Ele é incrível, muito legal. - Eles não iriam conhecer o Arthur, não pela minha vontade. Se fosse para meus filhos o conhecer, seria a contragosto.
- Eu quero ter pai, posso mamãe? - Thammy me olhou. O que eu ia falar agora? Nada.
- Tá na hora de vocês tomarem banho, dois porquinhos. - Mudei o assunto. - Banho!
Amy me encarou, parecia que ela queria aproximar os irmãos do pai, sabia que ele viria para o Brasil e queria que se conhecessem. Eu ainda estava muito magoada, ele fez a mesma coisa que eu fiz, mas apenas para se vigar, qual a moral que ele tinha? Nenhuma, isso era o que mais me magoava. Depois de 30 minutos mais ou menos, ela foi embora prometendo voltar no outro dia com o Paul, seu namorado. Thammy não falou mais nada sobre o assunto de ter um pai, para o meu alivio.
Narrador
Amy tornou a apartamento de Lua no dia seguinte. Porém, a mãe não estava. Era 13:10 da manhã e Lua estava no clube. Amy sabia disso e foi justamente esse o intuito da visita. Thammy estava em casa com a faxineira que vinha 3 vezes na semana.  Amy entrou e estranhou porque Théo não estava. Mas ai Thammy esclareceu que acordou indisposta e Lua lhe deixou ficar em casa.
- Quer ir no shopping comigo? - Amy disse, sentada na beirada do sofá.
- Mas... A minha mãe não sabe que... Eu vou pro Shopping e... Pode reclamar. - Disse toda sem jeito. Mas, louca para aceitar.
- E se ligarmos para ela? Pedir permissão?
-Você pede, porque se não ela não deixa. Tá? - Ergueu-se no sofá, olhando-a. Amy sorriu, assentiu e pegou o celular.
- Diz o numero.
- 97947480. - Disse com rapidez. Por vez, a faxineira vinha na sala observar. Nunca tinha visto aquela garota antes, e estranhou.
Amy discou os números e se pôs de pé colocando o celular no ouvido. Andou de um lado para o outro, até que sua expressão mudou quando Lua atendeu.
- Lua?
- Ela.
- Amy, bobona. - Amy disse e sorriu. - To na sua casa.
- Oi meu amor, estou no clube. - Falou com um tom de voz animado.
- Mãe, posso levar a Thammy no shopping e em seguida podemos ir ai no clube. Queria que o Théozinho fosse também, mas ele está no colégio né... Enfim. Posso?
- Pode, mas ela estava indisposta pra ir a escola. já melhorou?
- Já, está ótima. - Olhou para a menina, que estava de joelhos no sofá ansiosa. Amy sorriu piscando para ela. - E ai,liberadas?
- Liberadas!
- Uhu, tá bom então, até , mais tarde.
- Cuidado hein!
Amy desligou o celular e olhou novamente para Thammy.
- Está pronta?
- Acho que sim... Mas eu posso colocar um blush? Pra ficar mais bonitinha.
- Tenho isso na minha bolsa. o Paul está nos esperando lá em baixo, bora?
Thammy consentiu com a cabeça e levantou-se do sofá. Então as duas saíram. Paul, o namorado da Amy era loiro de olhos azuis, pele clara e muito charmoso. Se encantou por Thammy, e eles se deram muito bem, pelo menos na viagem até o shopping. Amy queria os gêmeos juntos para o que estava planejando, afinal, Arthur estava no Rio de Janeiro, teria chegado a poucas horas e marcou de se encontrar com a filha e o genro na praça de alimentação do shopping. Mas como ela não sabia se eles estudavam pela manhã ou á tarde, resolveu ariscar, e pelo menos a filha caçula, Arthur iria conhecer... Sem saber ainda, mas iria conhecer.
- O Théo iria gostar de passear no shopping conosco.
- É né? Eu iria adorar ele aqui também. - Andavam pelo shopping. Amy no meio entre Paul e Thammy, ambos tendo uma das mãos dela para segurar.
- Podemos ir no Mc, não é?
- Claro que podemos, princesa. - Paul falou, piscando para ela. - Pode o que você quiser, aproveita que sua irmã está de bom humor.
- Sempre estou. - Amy mostrou a linguá para ele, e depois lhe deu um selinho. - Mas antes, vamos ver uma pessoa muito importante.
- Que pessoa? - Com a cabeça inclinada, ela franziu a testa, sem romperem os passos.
- Você vai ver, já já. - Sorriu.

                                                                                                  Continua...............
Se tiver 10 comentários hoje, eu posto outro hoje!

23 comentários:

  1. Perfeito será que Arthur vai gostar ♥

    ResponderExcluir
  2. Ain meu deus..... To nervosa, a lua vai da a louca e com razão.
    Posta mais
    Xx MilaMozart

    ResponderExcluir
  3. Comecei a ler anteontem, a web é otima.. Anciosa pelos proximos capitulos

    ResponderExcluir
  4. Tipoooooo estou louca de amores por essa web, postaaaaaa mais
    By: adriene

    ResponderExcluir
  5. Aaaaah posta mais por favor por favor ... Quero ver a reação do Arthur .. Hahah hahaha

    ResponderExcluir
  6. Tmb estou louca pra ver a cara dele vai ser tipo :O

    ResponderExcluir
  7. posta logo gosto muito

    ResponderExcluir
  8. posta logo gosto muito

    ResponderExcluir
  9. Pena que o Théo não está pra conhecer o Arthur também. Mais?

    ResponderExcluir
  10. Como sera que o arthur vai reagir? Posta mais
    By Duda

    ResponderExcluir
  11. Locaa pra ver o otro cap!! Cm sera q eles vao reagir?!!

    ResponderExcluir
  12. Ahhh my god é agoraaaa

    ResponderExcluir
  13. Aiii meu deus..super ansiosa pra ver a reação do Arthur

    ResponderExcluir
  14. Mais, to super ansiosa

    ResponderExcluir
  15. Eeeeiiita Giovana!! Amy morta em 3, 2,1
    Posta maaais

    ResponderExcluir
  16. Posta mais um hoje pff

    ResponderExcluir