Peça-me o que quiser (Adaptada)- Capítulo 4

|
— Fique calma, não foi nada.
Mas não consigo ficar calma. Como vou ficar calma presa num elevador? De repente sinto uma coceira no pescoço. Abro minha bolsa e tiro um espelhinho da necessaire. Me observo nele e começo a xingar.
— Merda, merda! Estou me enchendo de brotoejas!
Percebo que o homem me olha com espanto. Afasto o cabelo do pescoço e mostro a ele.
— Quando fico nervosa, minha pele se enche de brotoejas, está vendo?
Ele faz que sim e eu me coço.
— Não — diz, segurando minha mão. — Se você fizer isso, vai piorar.
E sem pensar duas vezes se inclina e sopra meu pescoço. Ai, Deus! Como ele é cheiroso e como é gostoso sentir esse ventinho! Dois segundos mais tarde, me vejo caindo no ridículo ao soltar um pequeno gemido.
O que estou fazendo?
Tapo o pescoço e tento desviar o assunto.
— Tenho duas horas para almoçar e, como ainda estamos aqui, hoje não almoço!
— Suponho que seu chefe entenderá a situação e te deixará chegar um pouco mais tarde.
Isso me faz sorrir. Ele não conhece minha chefe.
— Acho que você supõe demais. — Cheia de curiosidade, digo: — Pelo sotaque você é...
— Alemão.
Não me espanta. Minha empresa é alemã, e gringos como aquele aparecem todos os dias por aqui. Mas, sem conseguir evitar, eu o olho com um sorrisinho malicioso.
— Boa sorte na Eurocopa!
Com expressão séria, ele dá de ombros.
— Não me interesso por futebol.
— Não?
— Não.
Surpresa com o fato de um cara, um alemão, não gostar de futebol, me encho de orgulho ao pensar na nossa seleção e sussurro para mim mesma:
— Pois você não sabe o que está perdendo.
Calmamente ele parece ler meus pensamentos e se aproxima de novo de minha orelha, provocando-me arrepios.
— De qualquer forma, ganhando ou perdendo, aceitaremos o resultado — ele me sussurra.
Ao dizer isso, dá um passo atrás e volta a seu lugar.
Será que meu comentário o irritou?
Eu o imito e viro pro lado para não ter de vê-lo. Olho no relógio: 14h15. Merda! Já perdi 45 minutos do meu almoço e não dá mais tempo de chegar ao Vips. Com a vontade que eu tinha de comer um Vips Club... Enfim! Vou parar no bar de Almudena e engolir um sanduíche. Não tenho tempo para mais nada.
Logo as luzes se acendem, o elevador retoma seu movimento e todos nós aplaudimos.
E eu sou a primeira!
Movida pela curiosidade, volto a olhar para o desconhecido que se preocupou comigo e vejo que ele continua me observando. Uau, com as luzes acesas ele é ainda mais alto e mais sexy!
Quando o elevador chega ao térreo e as portas se abrem, Manuela e as moças da contabilidade saem como cavalos desenfreados entre gritinhos e gestos de histeria.
Como me alegro por não ser assim. A verdade é que sou meio moleca. Meu pai me criou desse jeito. Porém, quando saio, me vejo diante da minha chefe.
— Arthur, pelo amor de Deus! — eu a ouço dizer. — Quando desci para te encontrar e irmos almoçar  recebi seu Whatsapp avisando que você estava preso no elevador, quase morri! Que angústia! Você está bem?
— Estou ótimo — responde a voz do homem que falou comigo apenas uns momentos antes.
Na hora minha cabeça rebobina. Arthur. Almoço. Chefe. Arthur Aguiar, o chefão, foi a ele que eu disse que sou como a menina de O exorcista e em quem enfiei um chiclete de morango na boca? Fico vermelha como um tomate e me recuso a olhá-lo na cara.
Meu Deus! Como sou ridícula!
Gostaria de escapar daqui o quanto antes, mas então sinto que alguém me segura pelo cotovelo.
— Obrigado pelo chiclete... senhorita?
— Lua — responde minha chefe. — Ela é minha secretária.
O agora identificado como senhor Arthur Aguiar faz que sim com a cabeça e, sem se importar com a expressão no rosto da minha chefe, porque não olha para ela mas para mim, diz:
— Então é a senhorita Lua Blanco, certo?
— Sim — respondo como uma boba. Como uma idiota completa!
Minha chefe, que fica entediada quando não é a protagonista do momento, o agarra possessivamente pelo braço, puxando-o.
— Que tal irmos almoçar, Arthur? Já está super tarde!
Sentindo que eles vão embora, levanto a cabeça e sorrio. Instantes depois, aquele homem incrível de olhos claros se afasta, embora, antes de passar pela porta, se vire e me olhe. Quando por fim desaparece, suspiro e penso: “Por que não fiquei quietinha no elevador?”


Meninas se chegar a 10 comentários posto 3 capítulos ainda hoje senão só amanha!!!
Vocês é que sabem.
Comentem Lindas <3

14 comentários:

  1. Posta +++++++
    Ameeii *-*
    Doida pra ver o que esses dois vão aprontar !!!

    ResponderExcluir
  2. Obaaa posta mais por favor, web perfeita

    ResponderExcluir
  3. aaaaah amando essa web.....quero ler maaais

    ResponderExcluir
  4. Continua estou amando

    ResponderExcluir
  5. Posta logo SOS , necessito do próximo cap. E finge q tem 10 comentarios

    ResponderExcluir
  6. Posta posta vou morrer de curiosidade se tiver q esperar ate amanha

    ResponderExcluir
  7. Uau já quero novo encontro entre lua e arhur. Posta hoje essa web é otima!!!!

    ResponderExcluir
  8. Ja quero mais um!!!! / Laura

    ResponderExcluir
  9. Poste mais, amando
    Nanda N

    ResponderExcluir
  10. Quero a Lua logo com o Arthur , a web ta ótima parabéns !!!!👏👏👏👏👏👏

    ResponderExcluir
  11. Webb super interessante.. Adorandoo!!!

    ResponderExcluir