A idade não é problema quando se ama - 28° Capitulo

|





Arthur:fico vermelhinha . [ele rir e beija a testa dela , Lua estava vermelha de vergonha]
Lua:pensei que estivesse dormindo . [ele senta na cama]
Arthur:tava quase ai você chego me enchendo de beijos . [ele acaricia o rosto dela]
Lua:ah , então eu vou indo . [ela diz um pouco nervosa e ele percebe o nervosismo dela]
Arthur:hey ,o que foi ? você me parece nervosa .
Lua:é...não é nada .
Arthur:é sim , vem cá senta aqui do meu lado . [ele diz chegando pro lado e Lua senta do lado dele]
Arthur:porque esta tão nervosa ? [ela encarava as unhas]
Lua:é ... sabe o que qui é ?
Arthur:hm ?
Lua:é que eu estou com desejo . [ele sorri pois adorava satisfazer os desejos que ela sentia]
Arthur:e você tá com vontade de comer o que agora ?
Lua:bom ... o meu desejo não é de comida .
Arthur:então o que é ? não vai me dizer que esta passando mal ? temos que ir pro hospital e ... [ela interrompe Arthur que fico nervoso de uma hora pra outra]
Lua:não Arthur não é nada disso eu estou me sentindo super bem .
Arthur:então o que é ?
Lua:é que eu quero ... ah você sabe . [ela tava com vergonha de fala]
Arthur:não pior que não sei , o que é ? [ele se faz de desentendido]
Lua:ah sabe sim . [ela cruza os braços]
Arthur:não , eu juro que não sei eu só vou saber se você me fala .
Arthur:fala no meu ouvido ? eu não vou conta pra ninguém eu prometo . [ele queria ouvir da boca dela qual era o desejo dela]
Lua:tá [ela vai ate o ouvido dele e sussurra] é , eu quero ....
Arthur:quer o que ?
Lua:transa,eu to com uma vontade enorme de transa . [Lua parecia um pimentão de tão vermelha que estava]
Arthur:ahhhh fico vermelhinha . [ele diz rindo e aperta o nariz dela de leve]
Lua:para Arthur . [ela da um tapa no braço dela]
Arthur:ai Lua .
Lua:Arthur eu to com desejo . [ela morde o lábio inferior]
Arthur:tá com vontade ?
Lua:to . [eles se beijam , um beijo calmo e Lua começa a aprofunda o beijo e sobe em cima de Arthur e envolve seus braços no pescoço dele e ele a abraça pela cintura]
Arthur:tem certeza ? [ele desce os beijos pro pescoço dela]
Lua:tenho . [ela suspira ao senti os lábios de Arthur ao seu pescoço]
Arthur:vou tira posso ? [ele diz pegando no fecho do sutiã dela]
Lua:pode . [ela bagunça os cabelos dele , eles se beijam e Arthur abre o sutiã dela e os seios dela saltam pra fora , estavam bem maiores e as aréolas estavam mais escurecidas por conta da gravidez]
Arthur:estão grandes [ele massageia os seios dela e , ela geme] bem maiores do que antes , estão lindos , estão grandes do jeito que eu gosto . [ela sorri e eles se beijam ... depois de alguns minutos eles já estavam nus e Arthur em cima dela]
Arthur:e o que eu faço agora Lua ? [ela rola os olhos entediada , Arthur era muito burro]
Lua:jura que você não sabe ?
Arthur:não vai força a sua barriga ? pode machuca o meu filho .
Lua:claro que não Arthur , só você ir com jeito . [eles dão um selinho]
Arthur:tá bom [ele beija a barriga dela] agora você tem que mimi filho . [Arthur começa a penetra nela lentamente]
Lua:tá muito devagar Arthur , vai mais rápido .
Arthur:mas pode força a sua barriga e ...
Lua:e nada , vai mais rápido . [Arthur começa a ir mais rápido e Lua começa arranha a costas dele ... dia seguinte Lua dormia no peito dele]

Arthur:Lu ?
Lua:hm ?
Arthur:não vai acorda não é ? [ela abre os olhos lentamente]
Lua:eu to com sono , são que horas ?
Arthur:quase meio dia . [ele rir]
Lua:tá cedo ainda .
Arthur:cedo ? [ele rir] essa hora eu já tava almoçando , vamo levanta vamos ?
Lua:to com fome . [ela alisa o dele com as unhas]
Arthur:o meu filho tá com fome é ?
Lua:tá , ele tá muita fome .
Arthur:tá com desejo ?
Lua:qualquer coisa serve .
Arthur:tá bom , então vamos descer vem .
Lua:demos vamos a praia ? [depois de alguns minutos ... eles já estavam na praia e Lua estava sentada na areia olhando Arthur que estava na água , ele volta e sorrindo e senta do lado dela e a abraça]

Lua:ai Thur você tá gelado . [ela empurra ele]
Arthur:deixa . [ele a abraça forte e ela rir]
Lua:a praia da vazia . [estava um dia nublado e frio por isso a praia deserta]
Arthur:claro né Lua ? vem vai vim na praia com um dia chuvoso ? [ele rir e ela faz um biquinho]
Lua:ah é mesmo né ? você tem razão , ahhhh amor sabe o que eu tava pensando ?
Arthur:hm ?
Lua:que eu vou fazer um ensaio fotográfico .
Arthur:tá , mais pra que isso ?
Lua:como pra que Arthur ? pra minha gestação né ? eu quero tira muitas fotos com o Pierre na minha barriga . [ela acaricia o ventre]
Arthur:ata , você sabe que eu não entendo nada disso .
Lua:é porque você é burro .
Arthur:ah eu sou burro ?
Lua:é , Arthur ?
Arthur:fala ? [ele observando a barriga dela e alisando]
Lua:eu não vou mora aqui né ?
Arthur:você vai passa uns dias aqui pra garantia que o Ycaro não faça nada com você e nem com o meu filho .
Lua:ah sim , não quero fica longe da minha família .
Arthur:nossa minha companhia é tão chata assim ? [ela rir]
Lua:não seu babaca , claro que não mas é que eu não quero fica longe da minha família eu sinto muita falta deles .
Arthur:te entendo , Lua quando a gente volta você não vai volta a mora com o Ycaro não né ?
Lua:não , claro que não Arthur pra que ? pra ele mata meu filho ? não sou louca a esse ponto .
Arthur:ata .
Lua:nossa tá frio . [começa a venta um vento gelado e Arthur a abraça mais forte]
Arthur:tá mesmo , vamos entra né ? é melhor , não quero que você fique doente . [ele levanta e estende a mão pra ela a ajudando a levanta]
Arthur:tá pesadinha hein .
Lua:tá me chamando de baleia Arthur ?
Arthur:não disse isso , eu só disse que você estava pesadinha só isso . [ela empurra ele e sai andando na frente]
Arthur:o que eu fiz ? [ele vai atrás dela e a encontra sentada no sofá com os olhos marejados]

Arthur:Lua ? você tá chorando ? [as lágrimas descorem pelo rosto dela e ela limpa rapidamente]
Lua:não , claro que não ok ? não tem ninguém chorando aqui . [ele senta do lado dela]
Arthur:tem sim você triste com o que eu disse ?
Lua:você me chamo de gorda . [as lágrimas insistiam em escorrer]
Arthur:eu não te chamei de gorda , eu apenas disse que você estava pesadinha só isso .
Lua:e que diferença isso faz ? você quis dizer que eu estou gorda .
Arthur:para de palhaçada Lua , isso é bobeira .
Lua:não é não , nunca diga uma mulher que ela tá gorda mesmo ela estando gorda ok ? você sabe como isso entristece uma mulher . [ela sobe pro quarto ... ela dormia tranquilamente acorda e olha pros lados , percebe que tinha caído no sono ela levanta calça os chinelos e desce e encontra Arthur sentado no sofá e mexendo no celular , ele percebe a presença dela]

Arthur:tá mais calma ? [ela senta]
Lua:estou , quantas horas são ?
Arthur:16:00 horas .
Lua:nossa dormi muito , to morrendo de fome .
Arthur:eu não te entendo Lua , sério eu não te entendo .
Lua:ué , porque ?
Arthur:a algumas horas atrás você tava chorando e agora esta como se nada tivesse acontecido . [ela rir]
Lua:minha mudança de humor é incrível , é por causa da minha gravidez .
Arthur:isso me assusta .
Lua:o que tem pra comer ? to com fome de uns 100 mendigos . [ele rir]
Arthur:eu comprei comida mais você não desceu pra almoça então eu almocei sozinho .
Lua:hm , eu vou lá comer . [alguns dias se passam e era o último dias nele ali em maricá]

Lua:é nosso último dia aqui né ?
Arthur:é , infelizmente é .
Lua:como a gente vai fica quando a gente volta ? [eles estavam abraçados no sofá] #Arthur:ué normal .
Lua:como assim Arthur ?
Arthur:a gente não tá junto ? então , a gente vai continua junto .
Lua:e você se separo da Karen de vez ?
Arthur:sim .
Lua:cadê o divórcio ?
Arthur:Lua você sabe muito bem que eu não posso separa dela no cartório Lua , mesmo você estando grávida e 25% das ações e do Pierre e os outros 25% é da Karen eu não posso dar isso pra ela de mão beijada .
Lua:são só 25% Arthur , isso não é nada .
Arthur:não é nada ? porra Lua não fala merda não , 25% é coisa pra caralho ela vai manda na empresa da minha família praticamente , Lua entenda eu não posso assina o divórcio .
Lua:eu não quero saber Arthur , se não assina o divórcio a gente não vai mais fica junto . [Arthur se desespera]
Arthur:Lua para com isso pelo amor de deus , esqueça a Karen ok ? esquece que ela existe , pensa só em mim e no nosso filho e mais nada .
Lua:eu não quero você casado com ela , não quero . [ela o abraça forte]
Arthur:eu queria que as coisas fossem diferentes mais infelizmente não são tão Lua , as coisas não são simples como você acha Lua .
Lua:é sim , você que torna as coisas mais complicadas . [ela diz chorosa]
Arthur:não é meu amor , tenta me entender Lua ? tenta entender o meu lado pelo menos um pouco que seja ? a empresa tá na minha família a mais de um século , é patrimônio da família Aguiar meu tataravô que luto pra ter tudo o que a minha família tbm hoje , eu não posso deixa ela fica com 25% Lua .
Lua:e não tem outro jeito que vocês se separem e ela não fique com nada seu ?
Arthur:bom... só ela assinando um papel dizendo que não quer um centavo meu ai sim .
Lua:não tem como falsifica a assinatura dela ?
Arthur:isso é impossível Lua , e mesmo se eu tentasse fazer descobririam na hora e eu ainda seria preso . [ela rir]
Lua:nossa , mais e a gente Thur ?
Arthur:bom ... a gente pode continua ficando .
Lua:eu não quero fica contigo escondido .
Arthur:muito menos eu , é a única solução .
Lua:eu to confusa .
Arthur:confusa de nós dois ?
Lua:tbm , eu preciso de um tempo .
Arthur:um tempo ?
Lua:é , um tempo pra pensa em tudo pra pensa entre a gente e tudo mais , eu to confusa .
Arthur:tá confusa se aceita ou não ?
Lua:é , e daqui a 3 meses o Pierre nasce tbm e a minha vida vai muda completamente quando ele nasce ... ai é muita coisa na minha cabeça , eu preciso pensa você me da esse tempo ?
Arthur:se você quer assim , eu dou esse tempo pra você pensa só não demora muito tá ? [eles se beijam e Lua cede ao beijo ... dia seguinte Lua tinha chegado na casa de seus pais com as malas]

Ana:Lua ? você vai volta a mora aqui ?
Lua:vou . [ela sorri]
Cláudia:filha meu amor ? [ela olha pras malas de Lua] vai volta a mora aqui meu amor ?
Lua:vou mãe [elas se abraçam] eu não estava mais aguenta de saudade e decidir volta . de Lua]
Cláudia: vai volta a mora aqui meu amor ?
Lua:vou mãe [elas se abraçam] eu não estava mais aguenta de saudade e decidir volta [ela mente]
Cláudia:seu quartinho esta lá no mesmo lugar , do jeitinho que você deixo . [ela beija a testa de Lua] [na casa de Arthur]

Karen:já chego da sua viagem romântica com aquela puta ?
Arthur:eu vou fingi que eu sou surdo .
Karen:pois fique você sabendo que eu não aceito esse bastardo do seu filho no nosso casamento .
Arthur:o Pierre não é bastardo , ele é meu filho meu e da Lua ele tem aos pais dele que já o ama muito , ele não precisa do seu afeto .
Karen:tomará que morra , tomará que nem venha ao mundo . [ela diz com um rancor enorme , com um ódio imenso ... Arthur levanta a mão pra da na cara de Karen mas Kátia chega]
Kátia:epaaaaaaaaa que isso Arthur ? tá louco ? [Arthur respira fundo e abaixa a mão]
Kátia:iria bater em Karen é isso mesmo Arthur ?
Arthur:porque você não sabe o que ela disse .
Kátia:e o que foi que Karen disse ?
Arthur:falo que queria que meu morresse , essa louca tá desejando a morte do meu filho que nem nasceu ainda . [Kátia fica boquiaberta]
Kátia:isso é verdade Karen ? você esta desejando a morte de meu neto ? [Karen nega com a cabeça]
Karen:não é verdade .
Arthur:vai nega o que você disse ? [ele ia pra cima dela mais Kátia entra no meio]
Kátia:epaaaaaaaa para com isso Arthur , vou ter uma conversinha com Karen .


Gente tenho uma noticia mega triste para dar a vocês  bom vocês já sabem que essa web não é minha eu tinha dito desde o inicio e autora resolveu dá um tempo e não está postando a web. Eu já perguntei a ela quando iria voltar a postar mais ela ainda não me respondeu então quando ela me responder eu aviso aqui enquanto isso a web está paralisada. Mais tem uma noticia boa em meio a isso eu irei postar uma das minhas webs.. então vocês querem que eu continue a 2° temporada da Web Destinos Traçados ou a 2° temporada da Web Por Seu Amor? escolham, se comentarem muito talvez eu postei ainda hoje um capitulo de uma das duas ou então só amanhã ou depois.

16 comentários: